© 2017 CURTA BOTAFOGO | Direitos reservados | Reprodução autorizada desde que citada a fonte. 

  • Facebook Social Icon

POSTS RECENTES: 

22.10.2019

Please reload

INGLÊS SOB MEDIDA

AULAS PARTICULARES

Estrangeirice à portuguesa

18.07.2017

 

 

 

A língua portuguesa absorveu muitos vocábulos de outros idiomas. Palavras como container,  poster,  folderhamburger e blazer já foram aportuguesadas para contêiner, pôster, fôlder hambúrguer (note que ganhou um “u” depois do “g”) e blêizer. E seus plurais, que no inglês só ganhavam um “s” (containers, por exemplo), são formados por “es”, como todas as palavras da nossa língua que terminam em “r”, caso de professor/professores e saber/saberes.

 

Assim, o plural de...

... contêiner é contêineres,

... pôster é pôsteres,

... fôlder é fôlderes,

... hambúrguer é hambúrgueres,

... blêizer é blêizeres.

 

E não são só palavras que herdamos do inglês que foram aportuguesadas. Blitz, por exemplo, veio do alemão. Seu plural, no original, é blitzen. Mas o vocábulo já foi dicionarizado, e seu plural é blitzes, como outros terminados em “z”: capuz/capuzes, capaz/capazes.

 

São muitas as palavras que nosso idioma absorveu. Poderia passar horas lembrando vocábulos que vieram de outras línguas,  como xampu, abajur, alfaiate, maestro, chá, biombo, araponga, vatapá, sábado... mas com todas essas já estamos acostumados.

 

Augusto, aqui do meu lado, acabou de se surpreender com o tal "contêiner". E, apesar de ter um, ele ainda não havia escrito “blêizer”!

 

* Carla Paes Leme é jornalista, revisora e dá aulas particulares de gramática desde a juventude. Atualmente, cumpre, diariamente, a missão dada, do Além, por Machado de Assis: preservar o Português, que, ao menos em Botafogo, há de ser imortal.

 

Artigos anteriores

 

Missão dada é missão cumprida

Mas eu quero é mais

Salvem o Português! Devolvam suas preposições!

Venha para aula você também, venha!

Para não confundir a fruta com a cor

Conjunção perifrástica não é palavrão

"Mim" não faz nada; quem faz sou "eu"

A partir de agora você não errará mais

Usar mal o acento agudo é grave?

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload